5 dicas essenciais para quem vai comprar um carro usado - XMultas Blog

Como comprar carro usado sempre envolve uma série de riscos. Por mais que você confira as condições do automóvel, algumas armadilhas são praticamente invisíveis em um primeiro momento. O grande segredo para acertar em cheio na escolha é ter calma em todas as etapas da negociação.

Não deixe que o vendedor te pressione com aquela conversa sobre promoções exclusivas. O mercado de seminovos apresenta diversas opções para todos os bolsos e necessidades. Com essa certeza em mãos, se prepare para realizar a avaliação como um verdadeiro especialista.

Quer saber mais? Vamos mostrar 5 dicas essenciais para fechar o melhor negócio. Acompanhe:

1. Priorize carros com boa revenda

Alguns automóveis são mais difíceis de revender e existem bons motivos para isso. O principal deles é a depreciação automática que o veículo sofre depois de seu primeiro ano de uso. Para evitar cair em uma cilada, busque por modelos com altos índices de revenda no mercado.

Os rankings especializados no assunto apontam várias marcas nacionais como o melhor custo-benefício na área de seminovos. No entanto, se torna essencial estudar as informações antes de encontrar o que mais se encaixa com suas necessidades.

Uma dica valiosa, nesse caso, é fugir dos carros importados. Muitas montadoras estrangeiras não oferecem suporte ao consumidor que termina pagando o dobro em serviços de manutenção.

2. Verifique a quilometragem

Carros que apresentam um alto índice de quilometragem são desvalorizados no mercado e precisam de reparos constantes. Por isso, dê preferência a modelos com menos de 30 000 KM rodados para evitar gastos desnecessários no futuro.

Comece dando boa olhada nos pneus. É preciso que todos pertençam ao mesmo lote e estejam igualmente desgastados. Afinal, qualquer alteração indevida pode interferir na segurança do motorista. Mesmo que você se encante com o design automotivo no primeiro contato, segure a ansiedade e tire todas as suas dúvidas.

3. Leve seu mecânico de confiança para comprar um carro usado

Realizar uma vistoria com segurança não é tarefa para qualquer pessoa. Ainda que você tenha conhecimentos sobre mecânica, existem problemas que somente o especialista pode identificar. Por esse motivo, escolha um profissional do ramo para te acompanhar e oferecer uma visão imparcial sobre o real estado do veículo.

Peça para que ele faça um test drive completo. A ideia aqui é julgar tanto a parte interna quanto o visual do automóvel. Aproveite esse momento com a intenção de sentir a experiência no perfil de um passageiro. Assim, fica muito mais fácil negociar na hora de finalizar a compra.

4. Pesquise o histórico da marca

Claro que ninguém compra um carro já pensando em revender. Porém, a qualquer segundo pode surgir outra oportunidade e você vai precisar passá-lo para frente. Como forma de garantir o futuro, faça pesquisas sobre a reputação da marca com base nas maiores reclamações online.

Cores extravagantes, como amarelo e laranja, tendem a encalhar em processos de revenda e só configuram uma boa escolha quando existe um grande desconto. Outra recomendação importante envolve fugir dos modelos que já saíram de linha. Nesse caso, a maior dificuldade é terminar com o carro parado por falta de peças de reposição.

5. Escolha um despachante digital

Contratar um bom despachante na hora de regularizar a documentação do veículo usado pode ser bastante estressante. A boa notícia é que você pode escolher um serviço digital para realizar esse processo de forma tranquila e segura. Esse tipo de recurso acelera todas as etapas com preços competitivos que se transformam em economia em longo prazo.

Outra vantagem significativa é a possibilidade de receber informações sobre as burocracias essenciais para ficar em dia com os órgãos de trânsito, como licenciamento do automóvel, pontos na CNH e monitoramento de multas. Antes de comprar o veículo, inclusive, você deve pesquisar todo o histórico do carro em relação a infrações com antigos donos.

Pronto! Agora você já sabe como comprar um carro usado em uma excelente negociação. Não se esqueça de pedir o manual do proprietário e escolher um lugar de confiança para assinar contrato. Com esse tipo de garantia, se torna mais simples conseguir assistência em caso de problemas.

Gostou das dicas deste artigo? Então deixe seu comentário no post e compartilhe conosco suas experiências.

tags: carro usado, dicas, compra carro


Comentários: