Como começar o ano com os documentos da moto em dia? - XMultas Blog

Para quem possui uma motocicleta, uma das principais preocupações, além das manutenções a serem cumpridas para que ela não o deixe no meio do caminho, é a documentação a ser colocada em dia logo no início do ano.

Além de ser obrigatório, de acordo com a nossa legislação, ter os documentos da moto em dia é algo que pode evitar que você seja surpreendido em uma blitz ou até mesmo impedido de negociar o seu veículo com outra pessoa.

Acompanhe o post de hoje e saiba como pilotar a motocicleta tranquilamente pelas ruas e estradas, pelo menos no que depender de estar com as obrigações de impostos e tributos em dia!

 

Quer acompanhar o seu veículo em um único lugar? Com o XMultas você fica sabendo mensalmente de suas multas, pontuação e status da documentação do veículo, além de poder preparar defesas e formulários de indicação de condutor em poucos minutos. Veja nossos planos e livre-se da burocracia de uma vez por todas!

Assista o nosso vídeo para saber mais.

 

IPVA

Quando se fala em regularização dos documentos para a moto, a primeira coisa que vem à cabeça é o IPVA.

Esse imposto, que tem o seu valor e datas de exercício de pagamento determinadas pelo governo de cada estado, pode ter a sua guia conferida e impressa para pagamento nas datas disponíveis, por meio dos sites da Secretaria da Fazenda de cada localidade.

Normalmente, são dados descontos para quem possui veículos mais antigos e para quem deseja pagar o imposto à vista. Não perca as oportunidades.

Isenção

Nos próprios sites das secretarias, também é possível cadastrar veículos utilizados como táxi, destinados ao uso em hospitais ou outras finalidades de interesse público, sinistrados, recuperados de roubo ou de uso de pessoas com limitações físicas e mentais, para que sejam isentos do pagamento do IPVA.

 

DPVAT           

O DPVAT, ou seguro de danos pessoais causados por veículos automotores causados em vias terrestres, é de pagamento obrigatório em todo início de ano, mesmo que o contribuinte jamais faça uso dos direitos que esse seguro contempla.

As condições de pagamento e emissão das guias são as mesmas do IPVA, assim como as datas, que variam de acordo com as placas de cada veículo.

 

Licenciamento obrigatório

Entre os itens de porte obrigatório dos documentos da moto, o que serve para ser apresentado como licença para que o veículo possa transitar livremente por qualquer lugar do Brasil é o chamado CRLV (Certificado de Registro de Licenciamento de Veículo).

Com exceção das oportunidades em que é feita a transferência de um veículo ou da aquisição de um novo carro, a vistoria da moto para que o CRLV seja emitido não é obrigatória. Basta estar com o IPVA  e o DPVAT pagos, além de não ter débitos relacionados a multas, que o seu licenciamento vai chegar no endereço cadastrado no Detran.

 

Multas

É importante citar a questão das multas entre a regularização dos documentos da moto, tendo em vista que qualquer não conformidade relacionada pode fazer com que a sua moto seja apreendida ou detida em uma operação policial, e você ainda seja impedido de negociá-la caso deseje vender o seu veículo.

É importante buscar os serviços de uma empresa especializada, até mesmo para verificar se cada multa que caiu sob a sua responsabilidade é realmente aplicável. É importante reduzir os prejuízos nesse sentido.

Entendeu a importância de estar com tudo em dia? Então, facilite a sua vida! Entre em contato com o XMultas e conheça os nossos serviços!

tags: documentos, moto, ipva, licenciamento, xmultas


Comentários: