3 dicas certeiras para melhorar o comportamento dos jovens no trânsito - XMultas Blog

O comportamento dos jovens no trânsito apresenta números cada vez mais preocupantes. De fato, além da desatenção habitual da idade, o excesso de álcool e o uso indevido do celular são outros pontos que agravam bastante a situação.

O melhor caminho na hora de reverter esse quadro negativo é apostar em conscientização para que fique claro tudo o que está em jogo ao assumir o volante. Só assim será possível mudar a percepção das próximas gerações de motoristas e aumentar a segurança das vias no presente. 

Quer saber mais? Vamos mostrar os números dos jovens no trânsito e 3 dicas para evitar acidentes. Acompanhe:

Dados do comportamento dos jovens no trânsito 

Segundo um estudo realizado pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação, 50% das batidas de trânsito acontecem por falha humana. Sem contar que os acidentes são a maior causa de morte entre os jovens de até 19 anos em todas as partes do mundo. 

Esses dados alarmantes estão diretamente relacionados à falta de atenção e ao nível de experiência ao volante. Entre os principais agravantes está o estilo de vida irresponsável com excessos na bebida, desrespeito aos limites de velocidade e negligência com o cinto de segurança. 

Celular ao volante

Mexer no celular enquanto dirige é um outro problema recorrente, já que representa a terceira maior causa de mortes no trânsito do Brasil. Com tantas informações bombardeando as redes sociais, as pessoas sentem dificuldade de se desconectar e isso atrapalha a concentração em vias movimentadas. Além disso, de acordo com números da NHTSA (Administração Nacional de Segurança Viária), um condutor que manipula o celular ao volante aumenta em 400% as chances de se envolver em um acidente. 

Dicas de boas práticas 

O grande segredo para melhorar o comportamento dos jovens no trânsito é apostar em conscientização. Saber que, além da possibilidade de machucar outras pessoas, sua própria vida está em risco faz diferença na hora de tomar decisões focadas em segurança.

Um bom exemplo de como a abordagem agressiva costuma funcionar são as campanhas do movimento Maio Amarelo. Essa ação, que acontece uma vez por ano, traz para as vias perigosas das grandes cidades simulações de batidas por imprudência e vídeos com registros de óbitos.

Na prática, quanto mais impactante for o choque, melhor para tirar aquela sensação de imortalidade que praticamente todo jovem carrega durante uma fase da vida. Veja, a seguir, dicas de como evitar acidentes:

1. Dirigir sempre com a habilitação

Muitos adolescentes aprendem a dirigir com os pais e ficam ansiosos para colocar as habilidades em prática. O problema é que em alguns casos, eles acabam pegando o carro sem ter tirado a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Esse tipo de irresponsabilidade aumenta as chances de causar mortes e ainda é considerada infração gravíssima pelos órgãos de trânsito. 

2. Evitar consumir bebida alcoólica

Diante das regras da lei brasileira, os jovens estão autorizados a consumir álcool a partir dos 18 anos. No entanto, quando se trata de combinar bebida e direção, a proibição do artigo 306 no código de trânsito costuma ser aplicada de maneira rígida pela gravidade da situação. Isso porque, sob o efeito do álcool, a visão fica comprometida, o reflexo lento e a possibilidade de desviar de um pedestre que aparece do nada é pequena.

3. Respeitar os limites de velocidade

Pouca gente sabe disso, mas a infração por exceder os limites de velocidade é a mais cometida entre os motoristas brasileiros. Em consequência disso, quase 10% dos acidentes registrados no ano de 2018 em rodovias foram por conta de velocidade incompatível com a recomendada. Lembre-se, nesse caso, que por mais que exista pressa, as limitações indicadas nos trechos são estabelecidas com a intenção de salvar vidas e manter o fluxo com o máximo de segurança. 

Como vimos, o comportamento dos jovens no trânsito pode trazer uma série de riscos. O mais importante é apostar em conscientização para que, a partir do conhecimento da legislação, os motoristas se tornem cada vez mais responsáveis com o intuito de preservar o próprio bolso e a segurança de todos. 

Gostou das informações deste artigo? Então compartilhe essas dicas em suas redes sociais para que seus amigos também fiquem por dentro do assunto!

tags: Comportamento dos jovens no trânsito


Comentários: