Saiba agora mesmo como se proteger de crimes nas estradas - XMultas Blog

Evitar a ocorrência de crimes nas estradas é uma preocupação constante do gestor de empresas. Isso porque, com o aumento dos roubos de cargas nos últimos anos, se torna indispensável montar um esquema de proteção que zela tanto por seu patrimônio quanto pela vida dos colaboradores durante o trajeto.

Dentro desse contexto, você até pode pensar que será preciso investir rios de dinheiro em equipamentos para alcançar resultados eficientes. Nada disso! O melhor caminho, nesse caso, está em conscientizar sua equipe sobre a necessidade de não se expor a riscos desnecessários e focar o treinamento em inteligência emocional.

Quer saber mais? Vamos mostrar dicas essenciais para aumentar a segurança da sua frota nas vias de maneira prática. Acompanhe:

Evite dirigir de madrugada

O condutor que se arrisca de madrugada com a intenção de cumprir prazos ou realizar o dobro de entregas em um curto espaço de tempo, certamente, está sujeito a ser abordado por criminosos. Como você já deve imaginar, muitas quadrilhas especializadas em roubos de cargas costumam escolher esse horário de menor movimento para agir.

Sendo assim, o papel do gestor é orientá-los a prezar pela segurança pessoal e dos itens transportados. Monte um cronograma de rotas que estabeleça todos os serviços da frota concluídos, no máximo, até às 22h00. Lembre-se que ser rigoroso com regras desse tipo se mostra eficiente na qualidade operacional e ainda valoriza o período de descanso da equipe.

Priorize rotas conhecidas

Se aventurar por rotas alternativas pode até parecer uma boa ideia inicialmente. No entanto, em muitas situações, essa economia de tempo acaba saindo muito caro quando o local escolhido é perigoso.

Ao seguir atalhos fornecidos por serviços de aplicativos, por exemplo, existe a chance de o motorista entrar em uma favela com uma carga de valor. Dessa maneira, a empresa deve ser rigorosa no controle de rotas — já que isso faz parte de um trabalho de pesquisa que ajuda a garantir a segurança.

Acompanhe de perto esse procedimento e não deixe desvios passarem em branco. Por mais que o funcionário tenha boas intenções na hora de evitar trânsito, sempre é bom reforçar que mudanças no caminho colocam a segurança em risco.

Ande com os vidros fechados

Passar muitas horas ao volante costuma ser bastante desconfortável em alguns momentos, especialmente quando o dia está muito quente. Em função disso, a maioria dos motoristas prefere circular com os vidros abertos e, assim, correm uma série de riscos desnecessários.

Tenha em mente que mesmo sendo uma maneira de reduzir o incômodo, deixar a visão interna do veículo livre chama atenção de criminosos. O mais indicado, como estratégia de prevenção, é manter os vidros fechados e ligar o ar condicionado para tornar o trabalho mais tranquilo.

Ofereça treinamento contra crimes nas estradas

Para melhorar a qualidade do serviço oferecido, investir em treinamentos internos sobre segurança é muito importante. Com motoristas mais conscientes diante de seu dever ao volante, se torna simples diminuir os riscos de assaltos. Por este motivo, procure palestrantes que possam alertar a equipe sem causar pânico.

O mais importante é trabalhar a inteligência emocional para saber como agir em situações de pressão. Além disso, traga também cursos com noções de direção defensiva e deixe sempre canal um interativo de sugestões aberto em busca de melhorias. Claro que é impossível prever um assalto, mas apostar em reforço na segurança ajuda a tomar a atitude correta no dia a dia.

Agora você já sabe como evitar crimes nas estradas. A verdade é que dirigir apresenta diversos perigos que devem ser contornados com investimento em treinamento. Caso algo aconteça com seus motoristas, o preparo correto para lidar com a situação faz muita diferença a partir do suporte oferecido pela empresa. Só assim será possível ter uma equipe muito mais engajada e reduzir outros problemas recorrentes, como multas de trânsito e acidentes.

Gostou das informações deste artigo? Então siga nossa página no LinkedIn, Facebook, Instagram e Twitter para receber conteúdos exclusivos.

tags: Crimes nas estradas


Comentários: