5 dicas certeiras para o motorista evitar atropelamentos - XMultas Blog

Uma grande preocupação dos motoristas é a ocorrência de acidentes de trânsito, ainda mais quando estes envolvem vítimas. É preciso ter cautela e um bom comportamento para evitar atropelamentos ou colisões, respeitando sempre a sinalização e redobrando os cuidados ao volante.

Obviamente, os pedestres também devem observar alguns cuidados de segurança — como utilizar a faixa e se manterem visíveis — antes de atravessarem ou circularem fora da calçada. Entretanto, o CTB estabelece que a segurança dos integrantes da via é responsabilidade do condutor. 

Foi pensando nisso que separamos estas 5 dicas para evitar acidentes e atropelamentos no trânsito. Continue a leitura e veja como alguns detalhes podem tornar sua direção ainda mais tranquila!

1. Redobre a atenção com as crianças

Crianças e adolescentes — principalmente quando estão em grupo — costumam ter um comportamento imprevisível. É comum vê-los atravessando a rua sem olhar, pulando ou fazendo brincadeiras próximas aos carros. Uma queda ou movimento brusco pode resultar em um trágico acidente.

Por isso, redobre os cuidados ao passar em zonas escolares ou bairros onde existam crianças brincando na rua. Os pontos de ônibus também devem ser observados, pois muitos adolescentes que desembarcam têm o hábito de atravessar entre os veículos, dificultando a visão do motorista.

2. Trafegue com os faróis acesos

A prática de dirigir com os faróis ligados durante o dia é padrão em muitos países — como nos EUA — e lei para trafegar nas rodovias aqui do Brasil. O hábito ainda não foi totalmente incorporado pela nossa população, entretanto, é útil para evitar atropelamentos.

A luz do carro serve para melhorar a visualização do pedestre, agindo como um alerta sensorial para os mais desatentos. Para se ter uma ideia, dados da PRF de Juiz de Fora apontam uma redução de 42% das mortes em colisões frontais na região após a obrigatoriedade. Logo, não custa acrescentar esse hábito à sua rotina como condutor.

3. Tenha cuidado com os animais soltos 

Todas as formas de vida devem ser preservadas, principalmente as mais indefesas. E, como os animais não têm noção do risco que correm ao circular ou atravessar a pista, cabe ao motorista estar atento para evitar o atropelamento de cães, gatos ou animais silvestres.

Para prevenir acidentes desse tipo, buzine levemente para alertar o animal, caso ele atravesse repentinamente na sua frente. Em seguida, tente desviar — de maneira cautelosa — pelas costas, de modo a não assustá-lo mais ainda. Sinalize também para que os outros motoristas o vejam e façam a mesma coisa.

4. Tente prever a ação do pedestre

Como você já sabe, o trânsito é dinâmico e composto por diversos elementos, como pedestres, ciclistas, veículos de grande porte etc. O olhar do motorista deve estar atento a tudo que acontece e seus reflexos devem ser rápidos para agir em uma situação de risco.

Analise o comportamento dos pedestres. Perceba quando existe intenção de atravessar fora da faixa, pessoas alcoolizadas ou utilizando o celular enquanto andam. Esses grupos são geralmente os mais desatentos e também os mais expostos a acidentes no trânsito.

5. Pratique a direção defensiva para evitar atropelamentos 

Escutamos muito esse termo, entretanto, nem todos costumam adotá-lo. Trata-se de uma série de cuidados e boas práticas que, além de evitar atropelamentos, deixam a rotina no trânsito mais eficiente e amigável.

Dentre algumas medidas, mantenha uma distância ideal das calçadas, dê a preferência em faixas de pedestres, evite o uso excessivo da buzina e fique atento aos retrovisores e pontos cegos.

Os cuidados no trânsito exigem consciência e responsabilidade de pedestres e motoristas. Como vimos, bastam algumas ações de cautela e respeito ao próximo para evitar atropelamentos e mortes no trânsito. Pratique essas dicas no dia a dia, desenvolvendo também a sua própria maneira de proteger os outros e a si próprio enquanto dirige.

Boas práticas precisam ser divididas, não é mesmo? Compartilhe este texto nas redes sociais e ajude seus amigos a dirigirem de forma mais segura!

tags: evitar atropelamentos


Comentários: