Gestor de frota: conheça as principais decisões e competências desse profissional - XMultas Blog

Tão importante quanto ter funcionários qualificados é contar com um líder competente para manter o bom desempenho de um negócio. Quando o assunto é gestor de frota, não é diferente. Afinal, é ele o responsável pela supervisão de processos que geram receita.

Você já deve ter notado que, atualmente, ter a frota disponível para atender as demandas dos clientes é quase uma questão de sobrevivência empresarial para diversos segmentos. Ao mesmo tempo, para a implementação do sistema de logística não se tornar um fracasso, é preciso ter uma administração eficiente.

É aí que entra o trabalho do gestor de frota, que vai muito além de monitorar veículos. Quer entender melhor as competências desse profissional? Então confira os próximos tópicos!

O que faz um gestor de frota?

Ele é o profissional responsável pelo gerenciamento de diversos aspectos da frota. Além de cuidar da disponibilidade de veículos, administra funcionários e fornecedores. Também cuida dos gastos relativos aos carros, bem como a verificação de manutenções preventivas e corretivas.

O trabalho não para por aí. Ele também tem a função de monitorar as operações e registrar índices de desenvolvimento. Isso inclui emissão de relatórios de consumo de combustível, produtividade de motoristas etc.

Um gestor de frota é a peça principal na tomada de decisões do setor porque está por dentro das condições dos veículos, dos gastos e motoristas. Ele pode ajudar a decidir, por exemplo, se é o momento de adquirir novos carros ou contratar profissionais.

Quais as habilidades exigidas?

Você já deve ter notado que o papel de um administrador é fundamental para a saúde do negócio, certo? Entretanto, não é qualquer pessoa que está apta para a função. Abaixo, listamos algumas das principais habilidades exigidas para o cargo.

Organização

Com tantos processos para dar conta, ser uma pessoa organizada é fundamental. Um gestor tem uma posição de liderança e será cobrado sobre certos procedimentos. Por esse motivo, ter tudo separado e registrado é essencial.

No dia a dia, a organização é essencial para estruturar a frota e administrar o fluxo de trabalho. De modo geral, essa é uma competência desejável para qualquer pessoa, não é mesmo?

Disciplina

Organização e disciplina são valores complementares, que devem andar lado a lado e são essenciais para o sucesso de uma empresa. Um líder, por sua vez, precisa ter determinação e disciplina para cumprir todos os prazos e metas.

Boa comunicação

Sabe quando você está assistindo uma aula e não consegue entender uma só palavra? Não seja esse tipo de professor. Um gestor também ensina muito aos seus funcionários e, sendo assim, precisa ser didático e ter tato para se comunicar de uma forma respeitosa. Seja objetivo, claro e direto para não deixar dúvidas!

Saber motivar

Um gestor que sabe motivar os funcionários faz toda a diferença. É que uma equipe inspirada produz muito mais e melhor. Além disso, garantir a satisfação profissional dos motoristas é essencial para ter um time eficiente e capaz de alcançar todos os objetivos.

Liderança

Como é de se esperar, um gestor de frota precisa ser um verdadeiro líder para conseguir alcançar as metas sem abrir mão do bom relacionamento com os colaboradores. Um administrador deve inspirar sua equipe — e não causar medo ou tensão.

Quais são os conhecimentos necessários?

De forma geral, as habilidades citadas acima são muito bem-vindas para líderes de qualquer área, mas gestores de frota ainda necessitam ter conhecimentos específicos sobre seu segmento. Veja alguns:

Conhecer o mercado

A única forma de ter uma frota competitiva e satisfatória é conhecendo o mercado como um todo, inclusive a concorrência. Isso significa que, além de estar por dentro de todos os procedimentos internos, um gestor de frota também tem que ficar de olho nas tendências e inovações do ramo.

Outra boa prática é se capacitar — e se reinventar — sempre que possível. Por isso, invista em cursos, treinamentos e workshops para ficar atualizado. Ocasiões como essa também são excelentes para fazer networking e aumentar a rede de contatos importantes para o crescimento da empresa.

Promover a segurança dos motoristas

Quando o assunto é frota, a maior prioridade deve ser a segurança, seja dos motoristas, passageiros ou pedestres. Nesse sentido, é muito importante que o gestor esteja alinhado com o setor mecânico para garantir o melhor funcionamento dos veículos.

É interessante lembrar que as manutenções não devem ser encaradas como inimigas em razão dos gastos, mas sim como parceiras de atuação que, além de promover a segurança da equipe, fazem com que os veículos tenham uma vida útil mais longa o que confere economia a longo prazo.

Outra prática interessante para adotar na frota é o uso de câmeras de segurança nos carros. Elas inibem ações criminosas como roubos e furtos e ainda faz com que o motorista se sinta mais confiante ao volante.

Controlar multas e documentos

A história de que um carro é como um filho porque gera despesas faz sentido, não é? São gastos com mecânico, combustível, documentação e… multas! Nem sempre os gastos com infrações são previstos no orçamento porque ninguém tem a intenção de ser multado, mas isso pode ser um erro!

A verdade é que as chances de frotas serem multadas é bem grande, já que são carros e motoristas que passam muito tempo no trânsito. Cabe, então, ao gestor se programar também em relação a isso. Mas, como?

Para um controle eficiente de multas, nada melhor do que contar com uma plataforma de monitoramento. Essa é uma boa alternativa porque evita que você perca prazos e ou que se preocupe com mais essa função.

Uma ferramenta como essa é capaz de promover 30% de economia com multas de trânsito, 70% menos tempo gasto com burocracias, além de aumentar mais de 40% a segurança no trânsito.

Ser um gestor de frota não é mesmo um papel simples. O segredo está em aperfeiçoar as habilidades necessários e também investir em capacitação para estar por dentro de todo conhecimento técnico que o cargo exige. Com essas dicas, seu negócio só tem a crescer!

Quer entender melhor como uma plataforma de monitoramento de multas ajuda a sua empresa? Confira o próximo artigo!

tags: Gestor de frota


Comentários: