7 lições de liderança para um gestor de empresa - XMultas Blog

Aprender lições de liderança é essencial no trabalho do gestor de empresa. Afinal, sua postura como profissional reflete diretamente no desempenho dos colaboradores. Quando o negócio envolve uma frota comercial, então, o exemplo que vem dos superiores se torna ainda mais importante pelas responsabilidades no trânsito.

Dentro desse contexto, você deve desenvolver um processo de autoanálise para refletir sobre suas habilidades comportamentais que agregam motivação ao serviço oferecido. O sucesso no mercado de atuação está em conhecer bem suas competências e humanizar na medida certa o relacionamento com os funcionários.

Quer saber mais? Vamos mostrar 7 lições de liderança que vão revolucionar seu pensamento no universo corporativo. Acompanhe:

1. Incentive inovações 

Uma empresa que não acompanha as novidades do mercado perde espaço para os concorrentes. Hoje em dia, contar com a ajuda da tecnologia faz toda a diferença no resultado final. Por isso, fique por dentro do que acontece em seu setor de atuação com foco nas ferramentas que podem otimizar as etapas do serviço.

Ao pensar fora da caixinha, os colaboradores se sentem inspirados pela postura da gestão e tendem a apresentar soluções criativas diante dos problemas. Saiba que criar um clima desafiador estimula a proatividade sem deixar de lado os objetivos da função de cada um.

2. Conte histórias inspiradoras 

Um gestor que não consegue motivar seus colaboradores enfrenta uma série de dificuldades em conquistar metas. Lembre-se que antes de ser um bom chefe, você deve ser um contador de histórias inspiradoras. Só assim os motoristas da frota vestem verdadeiramente a camisa da empresa.

O primeiro passo, nesse caso, é valorizar a equipe de trabalho com argumentos certos em uma abordagem estratégica. Claro que ninguém deseja ficar na mesma função durante toda a vida profissional, não é mesmo? Tendo isso claro, monte discursos encorajadores que evidenciem as possibilidades de crescimento aos melhores funcionários.

O caminho certo é apostar em storytelling com cases de sucesso do segmento. Mas, tenha cuidado! Nada de palestras burocráticas e cheias de dados. O que as pessoas guardam na memória afetiva são os personagens vitoriosos de uma narrativa.

3. Conviva com os colaboradores 

Elaborar soluções sem conhecer a fundo todas as áreas de funcionamento da empresa é uma tarefa muito complicada. Caso você nunca tenha colocado a mão na massa, dificilmente saberá orientar o serviço de forma correta.

O grande segredo está em reservar um tempo na agenda para ouvir as reclamações e os pedidos dos funcionários. Não precisa ser exatamente uma reunião. Apenas uma conversa informal sobre o andamento do trabalho já ajuda a solucionar as questões que comprometem a entrega de resultados.

A função do gestor é oferecer o suporte necessário para estabelecer um relacionamento de confiança em longo prazo. Com isso, até mesmo em situações de cobrança, a equipe compreenderá a visão da gestão no compromisso firmado com os clientes.

4. Seja persuasivo (sem coagir) 

Ninguém gosta de se sentir forçado a fazer algo que não gosta. A situação fica ainda pior quando as obrigações envolvem broncas de um chefe com fama de tirano. Tendo isso em mente, trabalhe o poder de se comunicar de maneira persuasiva e eficiente.

Convencer as pessoas a melhorar o desempenho sem atitudes repressivas mostra a flexibilidade de uma liderança admirada. Antes de tudo, as pessoas precisam gostar de você para serem influenciadas de maneira positiva. Se você respeita os seus colaboradores, será apenas uma questão de tempo para colher os frutos positivos.

5. Tome decisões baseadas em valores 

Hesitar em momentos decisivos prejudica a imagem do gestor. Isso acontece porque uma empresa bem-sucedida deve criar uma política de valores. Ou seja, as regras que formam a cultura organizacional servem como ponto de partida tanto em situações críticas quanto em passos vantajosos do negócio.

Um gestor confiante é capaz de convencer sua equipe até mesmo nos cenários mais nebulosos — desde que exista ética em suas palavras. Diante disso, mantenha a cartilha de regras da empresa sempre por perto como um verdadeiro guia de comportamento. Ser um bom exemplo ajuda ainda a garantir apoio mesmo em ocasiões em que o gestor comente algum erro.

6. Invista em aprendizado constante 

Com as mudanças constantes no mercado atual, quem não investe em aprendizado perde muitas chances de crescimento. Esse tipo de estímulo ajuda a lidar com pessoas de diferentes perfis e ideais que são fundamentais em qualquer equipe de trabalho.

Porém, de nada adianta mergulhar nos estudos sem passar o conhecimento para frente. Toda informação relevante deve ser adaptada ao universo corporativo. A consequência natural de uma postura agregadora está na inteligência emocional dos colaboradores em meio às adversidades.

Pode até parecer clichê à primeira vista, mas uma equipe motivada e consciente de suas responsabilidades, realmente, é reflexo do incentivo oferecido pela empresa. Quanto mais preparado para os desafios o gestor estiver, melhor será o desempenho interno como um todo.

7. Cuide bem de sua frota 

Acompanhar as falhas dos motoristas é uma dor de cabeça nas empresas que possuem frota própria. Com tantos colaboradores nas ruas, cabe ao líder identificar as infrações mais frequentes e tomar medidas para reduzi-las. Do contrário, o acúmulo de multas de trânsito pode se tornar uma verdadeira bola de neve no caixa da empresa.

Como você pode imaginar, lidar com todas as áreas de uma frota comercial toma bastante tempo da rotina de trabalho. A boa notícia é que uma plataforma digital de gestão de multas pode resolver essas pendências com um sistema de monitoramento dinâmico e prático.

Baseado em um levantamento de dados detalhado, a análise das penalidades administrativas se volta ao comportamento dos condutores ao volante. O procedimento, totalmente online, permite mensurar as violações mais cometidas e tomar medidas positivas — como a criação de políticas de conscientização em casos recorrentes.

Pronto! Agora você já conhece as lições de liderança essenciais no trabalho do gestor. As responsabilidades em comandar uma empresa vão muito além das obrigações com os clientes. De fato, é importante ser um bom exemplo também internamente. Por este motivo, se posicione estrategicamente com a intenção de guiar os liderados rumo ao crescimento sustentável da empresa no mercado.

Gostou das informações deste artigo? Então nos siga no LinkedIn, Facebook e Instagram para ficar por dentro de conteúdos exclusivos.

tags: Lições de liderança


Comentários: