Saiba como evitar a multa por não dar preferência ao pedestre na sua frota - XMultas Blog

A multa por não dar preferência ao pedestre desperta uma série de dúvidas. Alguns motoristas acreditam que se trata apenas de bom senso diante das solicitações na via. No entanto, a situação é considerada infração gravíssima que pode suspender o direito de dirigir e causar prejuízos ao desempenho da empresa.

Mas não se preocupe! Basta conhecer o funcionamento da legislação para orientar os condutores de maneira correta. O verdadeiro divisor de águas está em criar empatia com quem caminha pelas ruas. Dentro desse contexto, a segurança passa a ser a primeira preocupação durante a realização do trabalho.

Quer saber mais? Vamos tirar suas dúvidas sobre o assunto com dicas para educar seus colaboradores. Acompanhe:

Em quais locais o pedestre tem preferência? 

O primeiro passo é compreender que a preferência acontece nos locais com faixa de pedestres, mas sem presença de semáforo. Ou seja, se alguém está na calçada aguardando diminuir o movimento, o motorista deve dar passagem imediata. A regra também é aplicada em relação aos ciclistas e outro veículos não motorizados.

Tudo isso pode até parecer simples em um primeiro momento, mas com a correria do dia a dia, os pedestres costumam enfrentar dificuldades de locomoção diante da imprudência de alguns infratores. De acordo com Artigo 214 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) existem outras situações que se encaixam na penalidade por falta de preferência. Veja abaixo:

  • negar passagem a portadores de deficiência física, crianças, idosos e gestantes;
  • avançar antes que o pedestre tenha finalizado a travessia, mesmo que não exista a faixa de pedestre;
  • não permitir locomoção do pedestre na via transversal para onde se dirige o veículo.

Como funciona a multa por não dar preferência ao pedestre? 

Diversas violações podem ser registradas via monitoramento eletrônico. Entretanto, no caso da falta de preferência na faixa de pedestre, ainda não existe nenhum aparelho capaz de identificar o descumprimento da regra. O motorista costuma ser autuado por um agente de trânsito ou policial militar presente no local.

A infração é considerada gravíssima e soma 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Além disso, existe o pagamento de R$191,53 ao órgão de trânsito. Quando o condutor ameaça pedestres ao acelerar o veículo na faixa, o quadro se torna ainda mais grave com a suspensão automática do direito de dirigir.

O processo administrativo possui um caráter educativo, já que a principal intenção é incentivar o infrator a refletir sobre seu comportamento ao volante. Dessa forma, o efeito suspensivo varia entre 2 e 8 meses. Tudo depende da forma como a autoridade responsável pelo julgamento interpreta os fatos e o histórico do infrator.

Existe alguma forma de conscientizar os colaboradores?

Diante da possibilidade de enfrentar uma baixa na equipe, você deve ter bastante atenção na hora de orientar os colaboradores. Afinal, é praticamente impossível mensurar o tamanho do prejuízo de perder um motorista durante o efeito suspensivo.

O grande segredo está em montar um trabalho de conscientização interna para que todos compreendam seu papel no processo operacional da empresa. Por esse motivo, incentive as boas práticas de trânsito em relação aos pedestres. Entre as principais estão:

  • avaliar as condições de segurança no entorno ao permitir uma passagem;
  • acenar com as mãos sempre que os outros veículos não visualizarem a travessia;
  • monitorar o movimento pelo espelho retrovisor.

Tenha em mente que a desatenção com o direito do próximo resulta em uma série de acidentes que podem interferir na imagem do seu negócio no mercado.

Pronto! Agora você já sabe como evitar a multa por não dar preferência ao pedestre. O mais importante é alertar seus colaboradores que, apesar dos prazos e das obrigações do trabalho, a segurança deve sempre ficar em primeiro lugar. Com essa visão estratégica, a empresa deve investir em prevenção como fonte de resultados positivos.

Gostou das informações deste artigo? Então compartilhe em suas redes sociais para que seus amigos fiquem por dentro do assunto.

tags: multa por não dar preferência ao pedestre


Comentários: