Perdi a CNH: saiba agora mesmo como tirar a segunda via e continuar dirigindo - XMultas Blog

Você cuida do carro, dirige prudentemente e faz o possível para evitar multas. Mesmo com toda cautela, em algum momento da vida você pode falar: “Perdi a CNH, o que fazer agora?”.

Emitir a segunda via é essencial, pois, dirigir sem portar habilitação é infração prevista no Código de Trânsito Brasileiro — sujeita a multa e apreensão do veículo.

Embora a burocracia dos departamentos de trânsito seja velha conhecida, saiba que não é tão complicado emitir novamente o documento e voltar a dirigir com segurança. Confira, a seguir, quais passos dar em caso de perda ou extravio da CNH:

Faça uma busca para encontrar a CNH

Às vezes é mais fácil procurar a carteira nos últimos locais visitados do que partir para o processo de segunda via. Frequentemente, o dono da CNH a encontra dentro da própria casa ou em lojas, restaurantes e espaços frequentados nas últimas 48 horas.

Shoppings, Correios e terminais de transporte público possuem geralmente um setor de achados e perdidos. Ao encontrar um documento na rua, muitas pessoas o deixam na administração desses locais — onde permanece por 60 dias, geralmente. Compensa dar uma olhada.

Registre um boletim de ocorrência

Se a CNH não for encontrada, é preciso ir até a Polícia Civil do seu estado para emitir boletim de ocorrência (B.O.) de perda e extravio de documentos. Esse registro é essencial para solicitar a segunda via da CNH, além de ser respaldo legal caso algum crime seja cometido com seus dados.

A maioria das Secretarias de Segurança Pública permite a emissão do B.O. pela internet (exceto em casos de furto ou roubo). Se o recurso não estiver disponível na sua região, compareça à delegacia mais próxima com CPF e RG.

Existe um projeto em tramitação na CCJ para regulamentar o uso do boletim de ocorrência como documento provisório do condutor. Enquanto a lei não é aprovada, aguarde a nova CNH para dirigir. Assim, não há risco de ser multado e precisar entrar com recurso futuramente.

Perdi a CNH: verifique se está apto para tirar segunda via

Antes de solicitar a reemissão, confira se a habilitação está na validade. Caso contrário, é preciso solicitar a renovação — que é um processo diferente da emissão de segunda via. Verifique também sua pontuação com multas junto ao DSV.

Pague multas, tributos e taxas que estejam atrasadas para ter direito a uma nova emissão da CNH. Confira também se o RG está dentro do prazo de validade, de dez anos, antes de comparecer ao Detran.

De preferência, faça a requisição no local em que a primeira CNH foi emitida. É possível fazê-la morando em outro Estado. Porém, o procedimento é um pouco mais complicado.

Reúna os documentos necessários

Com tudo regularizado, é hora de reunir os documentos para apresentar ao departamento de trânsito. Confira o checklist do que é preciso:

  • RG ou outro documento com foto;
  • CPF;
  • comprovante de residência (original e cópia);
  • boletim de ocorrência;
  • valor para pagamento da guia (verifique junto ao Detran do seu Estado).

A maioria dos órgãos não exige mais a entrega de foto. Todas as imagens necessárias são digitalizadas na hora.

Solicite a emissão da nova via

O pedido pode ser efetuado pela internet. Basta informar dados, encaminhar documentos digitalizados e pagar a taxa. Alguns Estados permitem inclusive a emissão da CNH digital, que fica disponível no celular do condutor.

Se o comparecimento for necessário na sua cidade, marque dia e horário para agilizar. Atualmente, a maioria dos órgãos trabalha apenas com agendamento prévio, por telefone ou site. Pague a guia e aguarde o prazo para retirar o documento no Detran.

É possível receber a CNH em casa, após pagamento de taxa adicional. Verifique se essa opção está disponível e torne o processo ainda mais prático.

Viu como é possível emitir a segunda via da CNH tranquilamente? Com calma e planejamento, o processo se torna simples, seguro e você pode voltar a dirigir em pouco tempo. Bem, agora você já pode dizer: “Perdi a CNH, mas tudo bem, sei como resolver”.

Quer aprender mais sobre trânsito, multas e como monitorar a situação da sua CNH? Assine nossa newsletter e acompanhe de perto o assunto!

tags: Perdi a CNH


Comentários: