Por que é importante ter um seguro para minha moto? - XMultas Blog

Ter uma motocicleta é uma das melhores soluções para quem deseja se deslocar mais rapidamente e desfrutar da liberdade de ir e vir de forma prática e barata. Sem falar que ela dura bastante e pode servir futuramente como capital para a compra ou a venda de outro veículo. Portanto, é fundamental fazer um seguro para moto.  

Tomar essa providência também é importante para você conseguir lidar com alguns problemas — furto, roubo, acidente, entre outros. Se você ainda não sabe muito bem como funciona um seguro para moto, então continue acompanhando este artigo e tire todas as suas dúvidas.

Como funciona um seguro para moto?

O seguro para motos funciona sob o mesmo princípio dos outros tipos de seguro, como o que é feito para carros, objetos ou até mesmo para a vida dos segurados. A gestão é feita por uma empresa que recebe os valores referentes aos contratos das pessoas, seja de forma integral ou de maneira parcelada.

Essa empresa, então, utiliza parte desse dinheiro para atender às necessidades dos contratantes, caso ocorra o chamado sinistro, ou seja, aquilo que é passível de indenização de acordo com a apólice que objetiva o seguro.

Na prática, como o seguro atua em meu benefício?

As motos acabam sendo bastante visadas por bandidos que, com a intenção de utilizá-las para praticar crimes, vendê-las por um valor irrisório ou apenas roubar suas peças, atentam contra o patrimônio e até colocam a vida dos proprietários em risco, algo que por si só já viabilizaria um seguro.

Então quer dizer que o seguro só serve para proteger o patrimônio em caso de furto ou roubo? A resposta é não! Outro aspecto relevante quando se trata de seguro para motos é uma possível deterioração por quebras acidentais das peças do veículo, o que pode causar muita frustração em quem se apega ao bem comprado com tanta dificuldade.

Também vale destacar que o investimento traz mais tranquilidade para quem mora em cidades violentas ou muito movimentadas, como é o caso das grandes capitais. Obviamente, ter um seguro não evita que aconteçam situações desagradáveis com você, como assaltos ou acidentes, mas lhe protege de um prejuízo financeiro causado por esses eventuais problemas.

Em que casos o seguro poderá me auxiliar?

Na linguagem técnica, os casos em que o seguro pode auxiliar um segurado são chamados de coberturas. Elas variam muito de apólice para apólice, mas temos alguns casos mais comuns. Confira!

Cobertura contra furto

A cobertura contra furto paga o valor até o limite contratado pelo seguro, que normalmente é o apresentado pela Tabela Fipe para o valor do veículo, em casos de subtração da moto sem que haja alguma forma de violência ou sob grave ameaça.

A indenização dependerá da composição de um boletim de ocorrência, da informação do furto para a seguradora e também que as possibilidades de recuperar o bem sejam completamente esgotadas.

Cobertura contra roubo

A cobertura contra roubo é similar à cobertura contra furto no que diz respeito às condições de pagamento da indenização, com a única diferença do tipo de sinistro em si. O roubo se distingue do furto, pois o primeiro ocorre quando há grave ameaça mediante arma ou outro tipo de artifício intimidador, ou violência contra o condutor da moto.

Cobertura em função de acidentes

Em geral, os seguros contra acidentes de veículos contemplam os proprietários que possuem direito à indenização da mesma forma. Caso o sinistro tenha como consequência a extensão de danos em até 75% do valor da motocicleta, o proprietário precisará pagar um valor para a seguradora, que é chamado de franquia, ou seja, uma pequena quantia pré-estabelecida em contrato para que a reparação integral seja autorizada.

Caso o valor de reparação dos danos ultrapasse 75% do valor da motocicleta, a seguradora considera que o veículo teve uma perda total. Desse modo, o que restou da moto danificada (o salvado) é entregue para a seguradora para que ela pague ao contratante o valor do veículo previsto na Tabela Fipe.

O limite de 75% do valor da moto, que servirá de parâmetro para a verificação da extensão dos danos, é determinado pela Superintendência de Seguros Privados (Susep), que é o órgão regulador das empresas de seguros no Brasil.

Cobertura de responsabilidade civil

Esse tipo de cobertura também é muito comum em se tratando de apólices que têm as motos como objeto. Imagine que você se envolveu em um grave acidente e acabou causando prejuízos para um terceiro, seja em seu veículo ou contra sua própria integridade física. Normalmente, você seria responsabilizado a pagar a essa pessoa pelos danos causados em toda a sua extensão.

Com a contratação do seguro de responsabilidade civil, os danos causados a terceiros também são cobertos, evitando que você tenha que arcar com as despesas — às vezes, em dobro, pois quando ocorre uma colisão, é muito provável que os dois veículos envolvidos sofram estragos que gerem prejuízos financeiros ao proprietário.

Outras facilidades que um seguro para moto pode proporcionar

Além de todas as coberturas previstas na apólice, o contrato também poderá lhe oferecer alguns “mimos” como:

  • assistência 24 horas em caso de pane;
  • deslocamento do veículo e das pessoas que ficaram impossibilitadas de seguir seu trajeto em função de um acidente;
  • reparos simples no próprio local do inconveniente ocorrido;
  • empréstimo de um veículo enquanto a sua moto está em reparo, entre outros benefícios que a seguradora pode oferecer.

Ainda há uma vantagem maior em se contratar um seguro para moto: a tranquilidade que você terá ao compreender que o custo-benefício de um seguro é algo fantástico se comparado ao valor dos reparos e, principalmente, com o preço a ser pago por uma motocicleta nova, tendo em vista que o seu patrimônio estará devidamente protegido, haja o que houver.

Gostou de compreender melhor como a aquisição de um seguro para moto pode lhe deixar muito mais tranquilo para curtir toda a liberdade que só uma motocicleta pode proporcionar? Então curta agora mesmo a página do Xmultas no Facebook e continue por dentro de todas as nossas dicas. Estamos esperando por você!

tags: seguro moto, moto, motos, seguro para motos


Comentários: